0 comentários

Conheça os vencedores no mundo do cinema em 2015! Oscar, Framboesa de Ouro e César!

by on fevereiro 23, 2015
 

Compartilhe!Share on Facebook1Tweet about this on TwitterShare on Google+0

Então, esse final de semana houve grandes premiações no mundo do cinema. Tivemos duas cerimônias em honra das grandes obras da sétima arte. O César, grande prêmio do cinema francês, e o Oscar, a cobiçada condecoração do cinema americano e a mais conhecida nessa área. E também tivemos o Framboesa de Ouro, que festeja os piores do mundo cinematográfico. Alguém tem que lembrar o lado ruim, certo? Se você só quer saber das categorias principais, aí vai um resumo: de Melhor Filme no Oscar quem ganhou foi o filme Birdman, já no César quem levou o Melhor Filme foi o longa Timbuktu e o que recebeu o “prêmio” de Pior Filme do Ano no Framboesa foi o terrível “Kirk Cameron’s Saving Christmas” (algo como Kirk Cameron Salva o Natal).

Falando no Oscar, quem foi o grande o vencedor da noite, inclusive com os prêmios de melhor filme (como já dito) e melhor diretor, foi “Birdman ou (A inesperada virtude da ignorância)”.

Outro destaque da noite foi “O grande hotel Budapeste”, que também ficou com quatro estatuetas, mas em categorias técnicas: melhor figurino, melhor cabelo e maquiagem, melhor design de produção e melhor trilha sonora.

Já no César, Kristen Stewart se tornou a primeira atriz americana a vencer o César. Ela levou o prêmio na categoria de atriz coadjuvante por seu papel em Acima das Nuvens, de Olivier Assayas.

Ela é também a única americana indicada na categoria em todos os anos do César – prêmio atribuído anualmente desde 1976. A última vez que um americano ganhou o César foi em 2003, quando Adrien Brody levou o troféu de melhor ator por O Pianista.

Agora vamos para as listas completas

VENCEDORES DO OSCAR 2015

Melhor Ator Coadjuvante:

J.K. Simmons, por Whiplash

 

Melhor Figurino:

Milena Canonero, por O Grande Hotel Budapeste

 

Melhor Maquiagem e Penteados:

Frances Hannon e Mark Coulier, por Grande Hotel Budapeste

 

Melhor Filme Estrangeiro:

Ida, de Pawel Pawlikowski (Polônia)

 

Melhor Curta-metragem:

The Phone Call

 

Melhor Documentário em Curta-metragem:

Crisis Hotline: Veterans Press 1

 

Melhor Mixagem:

Whiplash

 

Melhor Edição de Som:

Sniper Americano

 

Melhor Atriz Coadjuvante:

Patricia Arquette, por Boyhood

 

Melhores Efeitos Visuais:

Interestelar

 

Melhor Curta de Animação:

O Banquete

 

Melhor Animação:

Operação Big Hero

 

Melhor Design de Produção:

O Grande Hotel Budapeste

 

Melhor Fotografia:

Birdman

 

Melhor Montagem:

Whiplash

 

Melhor Documentário:

CitizenFour

 

Melhor Canção:

Glory, de John Legend e Common

 

Melhor Trilha Sonora:

O Grande Hotel Budapeste

 

Melhor Roteiro Original:

Alejandro G. Iñárritu, Nicolás Giacobone, Alexander Dinelaris, Jr. e Armando Bo, por Birdman

 

Melhor Roteiro Adaptado:

Graham Moore, por O Jogo da Imitação

 

Melhor Direção:

Alejandro G. Iñárritu, por Birdman

 

Melhor Ator:

Eddie Redmayne, por A Teoria de Tudo

 

Melhor Atriz:

Julianne Moore, por Para Sempre Alice

 

Melhor Filme:

Birdman

 

 

“VENCEDORES”  DO FRAMBOESA DE OURO 2015

Pior Filme:

Kirk Cameron’s Saving Christmas

 

Pior Diretor:

Michael Bay (Transformers 4)

 

Pior Ator:

Kirk Cameron (Kirk Cameron’s Saving Christmas)

 

Pior Atriz:

Cameron Diaz (Mulheres ao Ataque e Sex Tape)

 

Pior Atriz Coadjuvante:

Megan Fox (As Tartarugas Ninja)

 

Pior Ator Coadjuvante:

Kelsey Grammer (Os Mercenários 3, A Lenda de Oz, Elas Querem Pensar Como Eles e Transformers 4)

 

Pior Time:

Kirk Cameron e seu ego (Kirk Cameron’s Saving Christmas)

 

Pior Roteiro:

Kirk Cameron’s Saving Christmas

 

Pior Remake, Imitação ou Sequência:

Annie

 

Troféu da Redenção:

Ben Affleck (de Contato de Risco a Argo e Garota Exemplar)

 

VENCEDORES DO CÉSAR 2015

Melhor Filme:

Timbuktu, de Abderrahmane Sissako

 

Melhor Diretor:

Abderrahmane Sissako, por Timbuktu

 

Melhor Atriz:

Adèle Haenel, por Amor à Primeira Briga

 

Melhor Ator:

Pierre Niney, por Yves Saint Laurent

 

Melhor Atriz Coadjuvante:

Kristen Stewart, por Acima das Nuvens

 

Melhor Ator Coadjuvante:

Reda Kateb, por Hipócrates

 

Revelação Feminina:

Louane Emera, por A Família Bélier

 

Revelação Masculina:

Kévin Azaïs, por Amor à Primeira Briga

 

Melhor Roteiro Original:

Abderrahmane Sissako e Kessen Tall, por Timbuktu

 

Melhor Roteiro Adaptado:

Cyril Gely e Volker Schlöndorff, por Diplomatie

 

Melhor Trilha Sonora:

Amine Bouhafa, por Timbuktu

 

Melhor Som:

Philippe Welsh, Roman Dymny e Thierry Delor, por Timbuktu

 

Melhor Fotografia:

Sofian El Fani, por Timbuktu

 

Melhor Montagem:

Nadia Ben Rachid, por Timbuktu

 

Melhor Figurino:

Anaïs Romand, por Saint Laurent

 

Melhor Direção de Arte:

Thierry Flamand, por A Bela e a Fera

 

Melhor Curta-metragem:

La Femme de Rio, de Emma Luchini e Nicolas Rey

 

Melhor Longa de Animação:

Minúsculos: O Filme, de Thomas Szabo e Hélène Giraud

 

Melhor Curta de Animação:

Les Petits Cailloux, de Chloé Mazio

 

Melhor Documentário:

O Sal da Terra, de Wim Wenders e Juliano Ribeiro Salgado

 

Melhor Primeiro Filme:

Amor à Primeira Briga, de Thomas Cailley

 

Melhor Filme Estrangeiro:

Mommy, de Xavier Dolan

 

César Honorário:

Sean Penn

 

 

Compartilhe!Share on Facebook1Tweet about this on TwitterShare on Google+0
Seja o primeiro a comentar!
 
Deixe uma resposta »

 

Deixe uma resposta