1 comment

Britney espanta piratas só no gogó! Ou algo do tipo…

by on outubro 28, 2013
 

Compartilhe!Share on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+0

A situação ocorrida em Capitão Phillips, o sequestro de um navio comercial por piratas somalianos, (já leu nosso review do filme? Confira aqui, se quiser claro) não duraria um segundo se essa arma de destruição em massa já estivesse sendo usada na época.

Fujam, fujam! Fujam para o alto mar  bucaneiros! Os britânicos são seres sem perdão, que  utilizam de uma arma mortal para impedir ataques piratas na região da Somália. Mal consigo expressar qual é a artimanha infernal que os ingleses bolaram. A oficial da marinha mercante britânica Rachel Owens relatou ao jornal britânico “Metro” que canções como “Oops! I Did It Again” e “Baby One More Time”, da “cantora” Britney Spears,  provaram ser as mais eficientes para manter os piratas afastados.

Segundo ela, que trabalha na costa leste da África, as músicas de Britney foram escolhidas, bando de desalmados, porque o time de segurança dos navios concluiu que “é o tipo de música que eles mais odiariam”. Alto-falantes são direcionados com canções da cantora no último volume, relata, tornando muitas vezes desnecessário ter que recorrer aos seguranças armados dentro do navio.

“Esses caras não conseguem suportar a cultura ocidental ou a sua música, os hits de Britney são perfeitos”, afirmou Owens ao “Metro”. “Assim que eles recebem uma saraivada de Britney, eles fogem o mais rápido que podem.” O que é totalmente compreensível.

Apenas em 2011, cerca de 170 navios foram atacados na região do chifre da África, onde está localizada a Somália. Outro entrevistado pela publicação, Steven Jones, da Associação de Segurança para a Indústria Marítima, disse que os piratas percorrem qualquer distância para evitar a música. “Eu acredito que usar Justin Bieber seria contra a Convenção de Genebra”, acrescentou. Agora imagina se colocassem para os caras escutarem Mr.Catra? Nem Barba Negra poderia competir com o senhor do funk carioca.

Compartilhe!Share on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+0
comentários
 
Deixe uma resposta »

 

Deixe uma resposta