0 comentários

Crytek se recuperando do tombo, sem sinal de Ryse 2 por enquanto, Ryse para PC e TimeSplitters?

by on agosto 8, 2014
 

Compartilhe!Share on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+0

A Crytek andou com alguns problemas financeiros recentemente e as baixas vendas de Ryse: Son of Rome para Xbox One não ajudaram muito a situação. Por conta disso já surgiu gente falando que a sequência de Ryse estaria cancelada, mas isso não necessariamente verdade. O presidente da Crytek, Cevat Yerli, falou sobre esse assunto e sobre as vendas de Ryse no Xbox One:

“Nós temos uma boa relação com a Microsoft. Nós estamos constantemente visando coisas que podemos fazer juntos. Não estamos 100% felizes com as vendas do Xbox One atualmente. Então queremos esperar a nova geração alcançar mais as vendas do 360 e do PS3. Sobre Ryse 2, não estamos dizendo que está cancelado. É nossa IP (propriedade intelectual). Estamos apenas esperando a hora certa. E a hora certa será quando essa nova geração tiver mais consoles vendidos.”

Yerli também disse que a Microsoft não possui os direitos sobre Ryse 2, o que significa que o jogo poderia ser lançado para Playstation 4:

“Nós poderíamos fazer o que quisermos com a franquia e com quem quisermos.”. Afirmou o Cevat Yerli.

Yerli também comentou sobre outras duas franquias famosas da Crytek: TimeSplitters e Crysys. Ele disse adorar a série TimeSplitters e que “há uma boa chance de algum jogo no futuro”. Mas logo em seguida ele jogou água na empolgação dizendo “no momento, não temos planos para TimeSpitters porque estamos focados em nossos projetos atuais”. E os projetos atuais são: Warface, Hunt: Horros of the Glided Age, Arena of Fate e mais um que comentamos no final da matéria.

“Vamos definitivamente descobrir o que fazer com TimeSplitters, mas agora não é o momento” disse o CEO da Crytek.

timesplitters

O sem noção e divertido TimeSplitters… Saudades dessa franquia de FPS 

E sobre Crysis, Yerli disse que é uma franquia que ele gosta muito, mas, novamente, a Crytek vai manter o foco nos projetos atuais.

Yerli também comentou as mudanças que a empresa sofreu. Uma diminuição considerável no tamanho da equipe e terem tido de vender a IP Homefront para a Deep Silver. Sobre isso, ele disse:

“Essa mudança foi dolorosa. Nós pagamos o preço. Contudo, saímos disso bem mais fortes. Espero que as pessoas vejam isso em nossos jogos atuais e que não estou apenas dizendo palavras vazias.”.

Ryse foi um dos títulos de lançamento do Xbox One e uma das grandes apostas da Crytek e da Microsoft. O Xbox One foi lançado em novembro de 2013 e vendeu mais de 3 milhões de unidades antes do fim daquele ano. Desde então, a Microsoft não divulgou mais seu relatório de vendas, mas sabe-se que eles botaram mais 5 milhões de Xbox para venda. Agora vendê-los são outros quinhentos. De qualquer modo, o Playstation 4 tem vendido bem mais que o Xbox One ao redor do mundo, mesmo com a retirada do Kinect obrigatório do Xone. Então será que Ryse vai mudar de casa? Sim, mas não para a da Sony, pelo menos por enquanto. Outro projeto que a Crytek tem focado é a versão de PC de Ryse: Son of Rome.

Ryse chegará aos PCs em setembro. O jogo será publicado pela própria Crytek, as versões digitais, e as versãos em caixa serão distribuídas pela Deep Silver. Essa versão virá com todos os downloads (roupas para Marius Tito, mapas para a Arena, armas especiais e um modo Survival) da versão de Xbox One já inclusos. E o mais legal é que o jogo terá a opção de resolução 4K nos computadores.

Apesar de Ryse ser um game um tanto linear, ele é estupidamente bonito. E ver esse jogo com gráficos ainda mais belos é algo que vale a pena conferir. De preferência com um desconto em uma Steam Sale da vida.

Compartilhe!Share on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+0
Seja o primeiro a comentar!
 
Deixe uma resposta »

 

Deixe uma resposta