0 comentários

Hit “Get Lucky” abre alas para Daft Punk ser o grande vencedor do Grammy 2014

by on janeiro 27, 2014
 

Compartilhe!Share on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+0

Com o hit mais tocado em 2013, o Daft Punk foi o grande vencedor do 56º Grammy. Embalado pela música Get Lucky, do álbum Random Access Memories, o grupo francês ganhou cinco prêmios: álbum do ano, gravação do ano, melhor performance pop de duo ou dupla, melhor álbum de dance/electrônica e melhor engenheira de som de álbum não clássico.

Desde o início os dois franceses fizeram do marketing um componente integrado a seu processo criativo, com uma ideia muito simples: manter o mistério. Os Daft Punk nunca mostram seu rosto, aparecem pouco na televisão – sua presença na entrega dos Grammy não ocorria desde 2008 – e poucos discos são lançados. Resultado: cada uma de suas aparições é um grande acontecimento e seus capacetes de robô se tornaram uma marca registrada. Para “Random Access Memories”, lançado em maio de 2013, os franceses levaram ao extremo sua estratégia de marketing, criando um verdadeiro frisson em torno de seu lançamento.

465336851-608x404

A cerimônia de premiação do Grammy 2014 ocorreu na noite de domingo e madrugada desta segunda-feira, em Los Angeles. A reunião em palco dos dois ex-beatles, Paul McCartney e Ringo Starr, concretizou-se, a despeito das negativas dos últimos dias. Com Paul ao piano e Ringo na bateria, eles tocaram Queenie Eye, do novo disco do velho Macca. A noite também rendeu outras performances que foram aplaudidas, como Kendrick Lamar e Imagine Dragons; os cantores country Merle Haggard, Kris Kristofferson, Willie Nelson e Blake Shelton; e o encerramento com Nine Inch Nails, Queens Of The Stone Age e Dave Grohl. Apresentação que foi cortada antes do fim da mesma,  com certeza um crime contra os deuses do rock.

A cantora neozelandesa Lorde, de apenas 17 anos, venceu canção do ano e melhor performance pop solo por Royals. Considerados favoritos da premiação, Jay Z e Taylor Swift decepcionaram. O rapper tinha nove indicações, mas subiu ao palco apenas para receber dois prêmios coletivos: melhor colaboração de rap (Holy Grail) e melhor vídeo (Suit & Tie) em trabalhos ambos com Justin Timberlake. Já a cantora country ficou sem levar nenhuma das quatro categorias às quais estava indicada. Com certeza sua decepção vai virar algum meme na internet, como de praxe.

Durante a noite, ainda houve uma celebração do casamento de 34 casais gays e heterossexuais (Ok…, Ato legal mas tem haver com música? Bem, tanto faz.), ao som de Open Your Heart, cantada por Madonna, Queen Latifah, Mary Lambert, Macklemore & Lewis. A união foi celebrada por Queen Latifah. E para terminar…

Confira a lista de ganhadores das principais categorias do Grammy 2014:

Melhor álbum do ano

“Random Access Memories” – Daft Punk

Gravação do ano

“Get Lucky” – Daft Punk com Pharrell Williams & Nile Rodgers

Melhor performance pop solo

“Royals” – Lorde

Artista revelação

Macklemore & Ryan Lewis

Melhor canção de Rock

“Cut Me Some Slack” – Dave Grohl, Paul McCartney, Krist Novoselic & Pat Smear

Melhor performance de duo/grupo

“Get Lucky” – Daft Punk com Pharrell Williams & Nile Rodgers

Melhor álbum instrumental pop

“Steppin’ Out” – Herp Alpert

Melhor canção dance

“Clarity” – Zedd Featuring Foxes

Melhor álbum de música eletrônica/dance

“Random Access Memories” – Daft Punk

Melhor álbum pop vocal

“Unorthodox Jukebox” – Bruno Mars

Melhor álbum pop vocal tradicional

“To Be Loved” – Michael Bublé

Melhor performance de R&B

“Something” – Snarky Puppy com Lalah Hathaway

Melhor performance tradicional de R&B

“Please Come Home” – Gary Clark Jr

Melhor canção de R&B

“Pusher Love Girl” – James Fauntleroy, Jerome Harmon, Timothy Mosley & Justin Timberlake,

Melhor álbum urbano contemporâneo

“Unapologetic” – Rihanna

Melhor álbum de R&B

“Girl On Fire” – Alicia Keys

Melhor performance de Rap

“Thrift Shop” – Macklemore & Ryan Lewis Featuring Wanz

Melhor colaboração de Rap

“Holy Grail” – Jay Z Featuring & Justin Timberlake

Melhor canção Rap

“Thrift Shop” – Ben Haggerty & Ryan Lewis

Melhor álbum de Rap

“The Heist” – Macklemore & Ryan Lewis

Melhor performance solo Country

“Wagon Wheel” – Darius Rucker

Melhor performance Country em duo ou grupo

“From This Valley” – The Civil Wars

Melhor álbum  Country

“Same Trailer Different Park” – Kacey Musgraves

Melhor canção Country

“Merry Go ‘Round” – Shane McAnally, Kacey Musgraves & Josh Osborne

Melhor álbum de New Age

“Love’s River” – Laura Sullivan

Melhor álbum improvisado de Jazz

“Orbits” – Wayne Shorter

Melhor álbum vocal de Jazz

“Liquid Spirit” – Gregory Porter

Melhor álbum de Jazz instrumental

“Money Jungle: Provocative In Blue” – Terri Lyne Carrington

Melhor álbum conjunto de Jazz

“Night In Calisia” – Randy Brecker, Włodek Pawlik Trio & Kalisz Philharmonic

Melhor álbum latino de Jazz

“Song For Maura” – Paquito D’Rivera & Trio Corrente

Melhor álbum de Blues

“Get Up!” – Ben Harper With Charlie Musselwhite

Melhor álbum Folk

“My Favorite Picture Of You” – Guy Clark

Melhor álbum Reggae

“Ziggy Marley In Concert” – Ziggy Marley

Melhor álbum de World Music

“Savor Flamenco” – Gipsy Kings e “Live: Singing For Peace Around The World” – Ladysmith Black Mambazo

Melhor Trilha Sonora

“Skyfall” – Thomas Newman

Compartilhe!Share on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+0
Seja o primeiro a comentar!
 
Deixe uma resposta »

 

Deixe uma resposta