0 comentários

Você Lembra? Vilões clássicos dos desenhos animados – Parte 3

by on maio 4, 2015
 

Compartilhe!Share on Facebook3Tweet about this on TwitterShare on Google+0

Nessa terceira e última parte dessa retrospectiva dos vilões clássicos dos desenhos animados (confira a parte 1 e parte 2), selecionei o Destruidor – que teve  diferentes abordagens diferentes ao longo dos anos, e o Vingador – vilão clássico muito lembrado no Brasil pelo desenho Caverna do Dragão.

Destruidor

Como vários dos outros vilões apresentados nas partes anteriores, o principal vilão das Tartarugas Ninjas, Destruidor também já teve diversas “encarnações” ao longo das séries, entretanto, com abordagens drasticamente diferentes, indo desde um líder ninja sedento por vingança até um alívio cômico no desenho de 1987 (na verdade, tudo nessa versão era cômico). Apesar disso temos algumas semelhanças entre as versões do personagem.

O material original das Tartarugas Ninja da Mirage Comics é o mais sombrio e sério deles. Nele, Oroku Saki (a identidade do personagem antes de se tornar o Destruidor) surge como um irmão em busca de vingança. Seu irmão mais velho, Oroku Nagi após ter seu amor recusado por Tang Shen, tenta matá-la, mas é derrotado e perde a vida em combate contra Hamato Yoshi. Após isso, Saki inicia um árduo treinamento e alcança um alto posto dentro do Clã do Pé (nome em homenagem ao Clã da Mão das histórias do Demolidor, conhecido no Brasil como ‘Tentáculo’ – sim, tudo a ver…).  Já adulto, ele localiza Yoshi, que havia se mudado para Nova York, e o executa, junto de sua amada, porém, não mata o rato de estimação do rival de seu falecido (que posteriormente torna-se Splinter). Oroku, agora respondendo pelo nome de Destruidor (Shredder, no original), lidera a ramificação do Clã do Pé na cidade, onde comanda o crime organizado e uma rede de tráfico de drogas. Nos quadrinhos o vilão é morto em confronto contra as tartarugas logo na primeira edição, porém, acaba retornando a vida diversas vezes através de métodos científicos/místicos – uma espécie de verme que conseguia replicar qualquer DNA que tivesse contato. Em uma delas volta até como um bizarro mutante tubarão-polvo.

d001

A esquerda sua primeira aparição nos quadrinhos. Ao lado a sua patética forma de tubarão/polvo.

Já na famosa animação de 87, toda a violenta trama original é removida, adaptando o personagem para o público infantil. Nessa versão, Oroku Saki forja uma situação na qual Hamato Yoshi comete um ato de desrespeito ao líder do clã, o que culmina em sua expulsão. Saki continua sua ascensão dentro do clã até tornar-se seu líder. Depois disso, quase mais nada é dito sobre a origem do vilão, mesmo a forma como surgiu a sua parceria com alienígena Krang não é explicada. Ao longo do desenho o aspecto mau do personagem é praticamente esquecido, sendo só mais uma fonte de humor. Em temporadas posteriores ele é substituído por um outro vilão, chamado Lord Dregg.

Na animação de 2003, o Destruidor ganhou uma versão bastante diferente das anteriores, inclusive com vários outros personagens adotando o manto do vilão ao longo das temporadas. A primeira e talvez a mais “peculiar” delas é quase uma mistura de alienígena Krang com o Destruidor. Um alienígena destruidor de mundos da raça Utorm, chamado Ch’rell, é aprisionado por outros de sua raça, porém, devido a um mau funcionamento em sua nave, ele acaba caindo na Terra. Uma vez em nosso planeta, Ch’rell desenvolveu seu traje robótico e adotou a alcunha de Oroku Saki, o Destruidor – formando um amplo e poderoso Clã do Pé. Nessa animação foi apresentada pela primeira vez a personagem Karai, filha adotiva do Destruidor (que posteriormente até chegou a adotar a armadura de seu pai). Depois descobre-se que já existia um outro Destruidor antes de Ch’rell. Esse foi um demônio que aterrorizou o Japão em períodos antigos, e que antes de ser morto selou um pacto com o guerreiro Oroku Saki, fundindo suas almas, o que forneceu grande poder a Saki. Somente após uma longa batalha o vilão é derrotado, e acaba sendo enterrado vivo. Séculos depois, Karai é enganada e acaba libertando esse terrível ser. Essa animação das TMNT trazia histórias mais maduras e com tramas melhor desenvolvidas, porém tomava grandes liberdades em relação ao material original.

d002

Karai assumiu o manto de Destruidor por um tempo após seu pai adotivo Ch’rell (ao lado) ser derrotado – apesar do nome ele é nitidamente inspirado no clássico Krang.

d003

As várias faces que o Destruidor teve no desenho de 2003

Por último, fica a mais recente versão, apresentada na animação em 3D feita pela Nicklodeon em 2012. Essa é basicamente uma mistura da primeira versão com a do desenho de 87, estabelecendo que Oroku Saki e Hamato Yoshi duelam pelo amor de uma mulher. Durante o combate há um desabamento, onde Hamato Yoshi acredita que é o único sobrevivente, entretanto, Saki também sai vivo, tendo apenas parte de seu rosto deformado. Além disso, ele também resgata com vida a filha de Yoshi, Karai. Mantendo-se incógnito de seu rival, ele o segue até Nova York e cria o Clã do Pé, composto por ninjas treinados e guerreiros mutantes para destruir Hamato (agora em sua forma de rato, Splinter) e seus filhos, as tartarugas. Esse trabalho recente combina partes interessantes de outras versões do personagem e até estabelece uma trama interessante, com um vilão real, apesar de ainda ser direcionado a um público mais infantil.

d004

Destruidor da animação de 87 e a atual versão da Nickelodeon, junto de sua filha adotiva Karai

Vingador

O ameaçador e tirânico feiticeiro de um só chifre, conhecido apenas como o Vingador, é o antagonista do clássico desenho Caverna do Dragão (Dungeon’s and Dragons). Apesar da curta duração (apenas 27 capítulos), o desenho baseado no mundo dos RPGs homônimo, marcou época no Brasil e é lembrado até hoje por uma legião de fãs.

vg004

Vingador e sua montaria Pesadelo. Ao lado o vilão e seu lacaio o Demônio das Sombras

Em torno do vilão há mais mistérios do que respostas, que são apenas sutilmente reveladas ao longo dos episódios. Vingador parece personificar o puro mal, sua aparência e poder impõem medo e respeito que se estendem ao longo de todo o reino que ele busca dominar. Porém, mesmo o Vingador teme uma criatura, esse é o dragão de cinco cabeças, Tiamat (na versão original, o dragão é na verdade fêmea, conhecida como rainha dos dragões, sendo até dublado por uma mulher). Além de criaturas inferiores (como orcs, homens lagarto e etc) e eventuais aliados (enganados ou contratados), a única figura próxima do vilão é o seu espião/assistente, o Demônio das Sombras, que geralmente auxilia seu mestre informando-o sobre o paradeiro do Mestre dos Magos e seus pupilos. Além desses, o Vingador também conta com seu fiel cavalo voador, Pesadelo. Vale ainda citar que em um episódio somos apresentados a irmã do vilão, chamada Karena, tão má quando ele, que acaba sendo aprisionada pelo seu próprio irmão em uma caverna.

vg002

Karena, a suposta irmã de Vingador. E o grande temor do vilão o dragão Tiamat (que na versão original americana é fêmea)

Na animação, Vingador buscava a todo custo obter as seis armas mágicas dos guerreiros, para assim conseguir aumentar seus poderes e conseguir derrotar Tiamat e o Mestre dos Magos. No episódio do cemitério dos dragões, o vilão é derrotado pelos heróis, porém é poupado e no momento final o Mestre dos Magos o liberta e se refere a ele como seu filho. Porém, no script do último episódio (de Michael Reaves – um dos roteiristas do desenho), chamado Requiem (que nunca foi animado), é revelado que na fronteira do reino existia um cenotáfio (espécie de um sarcófago) no qual estava trancada a verdadeira essência do Vingador. Ao usar a chave para abri-lo os heróis expurgam toda a influência do mal que se encontrava no corpo de Vingador, restaurando-o sua forma humana. Depois ele explica que quando ainda era um nobre, ele escolheu erroneamente ser orientado por uma entidade do mal, com a qual firmou um pacto e acabou tornando-se aquela cruel criatura.

vg003

Em 2011, o artista brasileiro Reinaldo Rocha fez uma quadrinização usando como base esse script original do último episódio do desenho.

Compartilhe!Share on Facebook3Tweet about this on TwitterShare on Google+0
Seja o primeiro a comentar!
 
Deixe uma resposta »

 

Deixe uma resposta